Algarve é mais do que sol e praia

Vila Real de Santo António preparou um vasto programa cultural e de atividades lúdicas para entreter os turistas. Uma forma de mostrar as várias valências e tradições da região.

Jazz-no-Jardim_VRSA_baixaCom o calor a chegar, a maioria da população portuguesa (e não só) ruma a sul, mais precisamente ao Algarve. Por isso, não é de admirar que a região, nas suas várias cidades, crie planos de atividade. Vila Real de Santo António não é diferente.

A agenda para os meses de julho, agosto e setembro é fértil em ações para as crianças, para as famílias, para quem gosta de música, de cultura… Na verdade, há atividades para todos os gostos.

Um exemplo? A magia das “Noites d’Encanto”, por exemplo, que decorre entre 14 e 17 de julho. Cacela Velha recebe o souk, salões de chá, exposições, conversas, dança e música, recriando a tolerância. Numa outra vertente a zona ribeirinha de Vila Real de Santo António, a partir de 26 de julho (e às terças-feiras), transforma-se numa sala de cinema ao ar livre. Sendo que a “sétima arte” está igualmente presente, entre 30 de agosto e 6 de setembro, no espaço do antigo cemitério, inserido no ciclo “Sob as estrelas em Cacela Velha”.

Verão tem obrigatoriamente de ter música. E, quem vai ao Jardim da Avenida da República no final das tardes de domingo, poderá deparar-se com sessões de chill out e jazz. Ainda na música o centro histórico da cidade (Vila Real de Santo António) recebe, entre 29 de julho e 19 de agosto, sempre à sexta-feira, um conjunto de músicos irá dar vida às zonas pedonais e de esplanadas, promovendo a animação das principais zonas comerciais. Já a zona histórica recebe, em agosto, o ciclo “Clássica em Cacela”, constituído por música antiga, medieval e renascentista. Já a Marginal de Monte Gordo recebe, de 18 a 21 de agosto, o Festival “Etniarte”.

Para gostos mais eruditos, este ano a região aconselha o “Encontro de Cultura Cubana”. No programa (de 11 a 12 de agosto), constam concertos, palestras e exposições.

Os apreciadores de teatro, nomeadamente o de comédia e de revista, poderão assistir à peça “Mãe Querida”, trazida ao palco pela companhia II Acto nos dias 1, 3 e 8 de agosto.

A época balnear termina com Cacela Velha a acolher a “Poesia na Rua”. Um evento que dará a palavra aos recantos desta vila onde todas as ruas possuem nomes de poetas que viveram ou escreveram sobre aquela localidade.

Convém ainda não esquecer as festas e romarias, tão típicas do verão. Cacela Velha, São João da Degola, Vila Real de Santo António e Monte Gordo são as cidades escolhidas.

Por Alexandra Costa/OJE

Anúncios